[2º] Dilatação de fluidos (por Sidney Oliveira Jr.)

Para que eu possa explica a dilatação dos fluidos primeiramente vou dizer o que é uma simples dilatação, que possa ocorre em qualquer elemento.

Dilatação é todo o acréscimo às dimensões de um corpo devido a influencia do calor que é transmitido para ele. Isso ocorre porque quando aumentamos a temperatura de um corpo as suas moléculas sofrem um grau de agitação muito maior, com existe a expansão do seu tamanho. Já se resfriarmos um corpo ele terá o seu tamanha diminuído, pois, com isso a sua moléculas vão ter um nível de agitação menor.

Existe três tipos de dilatação que são as mais conhecidas: Linear, volumétrico e a superficial; quem medem, respectivamente, a dilatação dos sólidos, líquidos e a dos gases. Percebam que em grandes pontes existe uma abertura, é necessário ter essas aberturas, pois a ponte ganha calor, como por exemplo, o sol batendo nela durante o dia e os próprios atritos dos carros passando pela ponte faz com que ela ganhe calor, consequentemente ele terá seu tamanha aumentado, só que aquelas duas partes da ponte não podem ficar grudada, pois se elas ficar juntas a ponte vai se rachar inteira e como consequência ira cair. Esse tipo de dilatação, é a linear. Dilatação linear é aquela que só cresce em uma única direção, ou seja, no comprimento

Já a dilatação volumétrica, assim como os sólidos, sofrem dilatação ao serem aquecidos. E bom lembrar que os líquidos não apresentam forma própria, com isso eles adquirem a forma do recipiente. Quando aquecemos um liquido ocorre dois tipos de dilatação, a dilatação aparente (liquido) e a dilatação do recipiente, a soma dessas duas dilatações e o valor da dilatação real. Em algumas substancias liquidas que em determinado intervalo de temperaturas, elas sofrem e efeito inverso; por exemplo a água se elevarmos a temperatura de 0°C para 4°C ao invés dela aumenta o seu tamanho, já que estamos aquecendo-a, ela terá o seu tamanho diminuído.

A dilatação superficial é a mais acentuada do que a dos sólidos e líquidos, isso ocorre pois com um pequeno ganho de calor um gás já tem o seu tamanho aumentado numa proporção bem maior. Um exemplo que da pra você fazer em casa é, num balão de vidro, com ar em seu interior, você coloca um canudo, onde a saída de ar daquele canudo seja a única saída de ar do balão, e no meio do canudo você deixa uma gota de óleo; Segurando o vidro com a suas duas mãos, o calor fornecido por elas já é o suficiente pro ar aumentar o seu tamanho e mover a gota de óleo.

Concluindo, dilatação é um fenômeno que pode atingir quase todas as substancias e corpos, simplesmente aumentando a sua temperatura.

Deixe um comentário

Arquivado em SESI.2A

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s