[1º] A cosmologia de Kepler (por Giselle Maldonado)

Kepler e suas teorias para o movimento dos planetas

O grande desenvolvimento que se segue na história da astronomia era a teoria de Johanes Kepler, um alemão matemático e astrônomo, que sua principal contribuição à astronomia e astrofísica foram às três leis do movimento planetário.
No ano de 1618, Kepler estabeleceu as três leis para explicar os movimentos dos planetas, são elas:

1º lei: Os planetas descrevem órbitas elípticas, nas quais o sol ocupa um de seus focos.

Esta lei definiu que o Sol não está no centro da elipse, mas ocupa um de seus focos; o planeta segue a elipse na sua orbita, o que significa que a distância do planeta ao sol varia á medida que ele segue sua orbita, ou seja, a distância de um foco até o objeto, mais a distancia do objeto ate o outro foco serão sempre iguais, não importando sua localização ao longo da elipse.

2º lei: Um planeta se move com uma velocidade tal que seu raio vetor cobre áreas iguais em tempos iguais.

Esta lei determina que os planetas se movam com velocidades diferentes, e que a linha que une o planeta ao Sol percorre áreas iguais em intervalos de tempo iguais que é a razão pela qual o planeta se move mais rapidamente quando está mais perto do Sol.
O planeta executa um movimento elíptico que é quando ele se aproxima mais do sol e orbita rapidamente; e também executa o movimento afélico, que é onde o planeta se afasta do sol e se move mais lentamente.

3º lei: O quadrado do período de revolução é proporcional ao cubo da distância média ao Sol.

Nessa lei ele determina que os quadrados dos períodos de translação dos planetas são proporcionais aos cubos dos eixos maiores de suas órbitas, ou seja, sendo T o período de revolução (ano do planeta) e D o eixo maior da órbita de um planeta, tem-se:

 

, com k constante.

Com isso chegamos a conclusao que asta lei indica que existe uma relação entre a distância do planeta e o tempo que ele demora para completar uma revolução em torno do Sol, portanto, quanto mais distante estiver do Sol, mais tempo levará para completar sua volta em torno desta estrela.

Referências

http://sir.lancelot.sites.uol.com.br/fisica/fisica_kepler.htm

http://www.educ.fc.ul.pt/docentes/opombo/seminario/durer/lei.htm

Deixe um comentário

Arquivado em SESI.1A

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s